De Rossi se compara a LeBron James, fala de Pastore e analisa CR7

Lance

Lance
Lance

Capitão da Roma e campeão da Copa do Mundo pela Itália, em 2006, o volante Danielle De Rossi tem a experiência necessária para falar sobre futebol. Nesta segunda-feira, em entrevista coletiva, em Roma, o italiano falou sobre Cristiano Ronaldo, sobre a carreira e a nova contratação da Roma, o meia Javier Pastore. Sobre estar mais velho e o que isso pode influenciar no seu jogo, o experiente volante preferiu falar sobre basquete e se comparar a LeBron James.

– Aos 34 anos, ninguém diz que se deve ser mais “calmo” que os demais. LeBron James faz um campeonato melhor agora do que quando tinha 25 anos: se ele, que é um campeão, pode fazer, eu também posso – disse De Rossi

Seguindo os passos da lenda Francesco Totti, não é apenas o herdeiro da faixa de capitão, mas também do ideal de ser fiel a um clube só, sendo um dos poucos do futebol atual a exercer essa condição. De Rossi está na Roma há 17 anos e, hoje, aos 34, acredita que estar mais próximo do fim da carreira, faz com que se aproveite melhor o trabalho.

– Quanto mais velho você fica, mais começa tentar apreciar mais o trabalho, porque você percebe que está próximo do fim. Você está fazendo o trabalho que você ama, você aproveita cada minuto, tenta ser ainda melhor – comenta o volante

Um dos principais nomes italianos do futebol comtemporâneo, De Rossi não poderia ficar de fora em analisar uma das maiores contratações da história do futebol do país: a vinda de Cristiano Ronaldo para a rival Juventus.

– É um benefício para o futebol italiano, mas especialmente para a Juventus. Muitos dizem que a equipe vai ter mudar seu jogo e passar a jogar para ele. É uma equipe que começa com a vantagem de ser mais forte e tem demostrado que com CR7 tem chances de ganhar a Champions e talvez a Série A. Mas não tem nada defindo. Não está escrito que eles vão ser os campeões – ressaltou o italiano

A Roma também vem reforçando o seu elenco para a disputa da próxima temporada. Um dos principais nomes dessa renovação é o meia argentino Javier Pastore, que estava no PSG, mas já teve passagem pelo futebol italiano, quando defendeu o Palermo (2009-11). De Rossi destacou a preparação do jogador.

– Vamos lembrar o quão forte ele é. Ele vai precisar de tempo para entrar no ritmo, no ritmo italiano. No PSG é tudo muito bom, mas o ritmo do campeonato pode ser menor. Ele vai ter que ser forte, mas já o está fazendo – finalizou De Rossi

Seminário sobre Esporte no Brasil recebe apoio do Papa Francisco

Lance

Lance
Lance

Promovido pela Faculdade Getúlio Vargas (FGV), o seminário sobre “Esporte como Ferramenta para o Desenvolvimento Humano, Econômico e Social” recebeu um ótimo incentivo para seguir ajudando na promoção do esporte. O Papa Francisco fez enviou mensagem aos participantes a ação que faz com que o esporte fomente o crescimento das pessoas e atua no desenvolvimento das comunidades.

Francisco entrou em contato direto com um dos organizadores do evento, o professor Pedro Trengrouse, Coordenador acadêmico do curso de Gestão do Esporte. O Papa, que neste processo entrou em contato também com a Fifa e o Centro Internacional de Estudos do Esporte (CIES), abençou todos os participantes, afirmando que o esporte não á apenas entretenimento, mas também cultura, solideriedade e fraternidade.

O evento será realizado no próximo dia 25 de agosto no Rio de Janeiro e será transmitido ao vivo pela internet aberto ao público geral. Contará com dois painéis, o primeiro sobre Esporte e Fé, que inspira todos a agir visando o “Esporte ao Serviço da Humanidade”. Já o segundo foca na explicação para o sucesso da Islândia dentro e fora de campo.