BTS se torna 1º grupo de k-pop entre indicados de categorias musicais do Grammy


Boyband, que se apresentou na premiação em 2019, mas foi ignorada em 2020, havia concorrido apenas em categoria de direção de arte. Dessa vez, grupo disputa prêmio de melhor performance de grupo ou duo pop. A banda sul-coreana BTS chega para o Grammy 2019, em Los Angeles
Matt Winkelmeyer / GETTY IMAGES AMÉRICA DO NORTE / AFP
O BTS fez história nesta terça-feira (23), ao se tornar o primeiro grupo de k-pop indicado em uma das categorias musicais do Grammy, principal premiação da música. A boyband concorre ao prêmio de melhor performance de grupo ou duo pop, pelo single “Dynamite”.
VEJA A LISTA DE INDICADOS AO GRAMMY 2021
Em 2019, o grupo escreveu seu nome pela primeira vez na história do Grammy, como primeiro grupo de pop coreano ao se apresentar no palco do evento.
No mesmo ano, o disco “Love yourself: Tear”, do BTS, disputou categoria Melhor Pacote de Gravação, que premia diretores de arte pela concepção visual de um álbum. A estatueta foi para Willo Perron, que trabalhou em “Masseduction”, de St. Vincent.
Mas fãs protestaram nas redes sociais quando nenhum representante do k-pop apareceu entre os indicados ao Grammy 2020. Na cerimônia de janeiro deste ano, o BTS fez apenas uma participação, ao lado do rapper Lil Nas X.
Outros indicados
A cerimônia de entrega dos prêmios da 63ª edição do Grammy está marcada para 31 de janeiro de 2021. A apresentação da premiação ficará por conta do comediante Trevor Noah.
Os destaques nas categorias principais foram Beyoncé e Dua Lipa, que concorrem nos três prêmios mais prestigiados do evento (álbum, canção e gravação do ano).
A categoria de revelação, considerado o quarto prêmio principal, tem maioria de mulheres, como nomes como Phoebe Bridgers, Noah Cyrus, Doja Cat e Megan Thee Stallion.
Os brasileiros Chico Pinheiro e Bebel Gilberto foram indicados, respectivamente na categoria de álbum de jazz latino e álbum de música global.