Bolsonaro e Moro trocaram mensagens sobre queima de maquinário em operações do Ibama

Ao mostrar seu celular para jornalistas nesta terça-feira (5), o presidente Jair Bolsonaro acabou deixando aparecer uma mensagem em que o ex-ministro da Justiça ressaltava que a Força Nacional não havia destruído máquinas de desmatadores durante operação do Ibama.
O site “O Antagonista” publicou primeiro a aparição do tema da Força Nacional no diálogo entre os dois.
Bolsonaro exibia troca de mensagens entre ele e o Moro da época em que o ex-juiz ainda era ministro. O objetivo era contestar versão apresentada por Moro, segundo a qual Bolsonaro tentou interferir politicamente na Polícia Federal.
Em determinado momento da conversa mostrada pelo presidente, aparece a parte em que o ex-ministro fala sobre a Força Nacional. Não é possível ver qual foi a mensagem de Bolsonaro que suscitou o assunto.
“Coronel Aginaldo da FN [Força Nacional] também nega envolvimento da FN nas destruições. FN só acompanha Ibama nas operações para segurança dos agentes, mas não participa da destruição de máquinas”, escreveu Moro.
Antônio Aginaldo de Oliveira é o diretor da Força Nacional.