Bilheteria nacional dobra e bate mais de R$ 1 milhão pela primeira vez desde março


Número não chega perto dos R$ 17,7 milhões do 1º final de semana de março, mas mostra sinais de recuperação do setor. Salas de SP reabriram no sábado (10). Cinema do Dragão, em Fortaleza
Divulgação
Os cinemas brasileiros movimentaram R$ 1,2 milhão pela primeira vez desde de 12 a 15 de março. Naquele final de semana, as salas já registravam baixo público por conta da pandemia, mas o faturamento ficou na casa dos R$ 8,4 milhões.
De quinta (8) a segunda (12), 86 mil pessoas foram aos cinemas ou drive-ins, o que gerou uma renda de R$ 1,2 milhão, segundo dados da ComScore. (Veja o ranking da bilheteria no país abaixo).
O Dia das Crianças e a reabertura das salas de cinema na cidade de São Paulo contribuem para o fato dos números terem dobrado em relação à semana anterior, que teve público de 40 mil e renda de R$ 606 mil.
Apesar de dar sinais de recuperação, o valor não chega perto da média de R$ 20 milhões que as salas de cinemas faturavam em fevereiro, segundo levantamento semanal.
Como base de comparação, a renda do primeiro final de semana de março foi de R$ 17,7 milhões.
Filmes mais vistos
‘Scooby – o filme’
Divulgação/Warner
“Scooby – o Filme” liderou a bilheteria no final de semana do Dia das Crianças com público de 31 mil pessoas e renda de R$ 413 mil.
“A Ilha da Fantasia” aparece em segundo lugar com arrecadação de R$ 308,3 mil e público de 21,1 mil, e “As Faces do Demônio” completa o top 3 após ser assistido por 9 mil pessoas e ter R$ 138 mil de renda no período.
Como é feita a programação dos cines drive-in
Como as sessões e salas vão se adaptar para a reabertura
O levantamento semanal da ComScore não informa quantas salas de cinema estão abertas e quantos cinemas drive-in enviaram os dados de bilheteria.
Veja o ranking da bilheteria no país:
‘Scooby – O Filme’ – R$ 413,2 mil
‘A ilha da fantasia’ – R$ 308,3 mil
‘As Faces do Demônio” – R$ 138,2 mil
“A maldição do espelho’ – R$ 91 mil
“40 Dias – O Milagre da Vida” – R$ 70, 9 mil
“É Doce!” – R$ 59 mil
“Armas em Jogo” – R$ 48 mil
‘Magnatas do crime’ – R$ 38,6 mil
‘O Roubo do Século’ – R$ 31,5
‘Harry Potter e a Pedra Filosofal’ – R$ 20,3 mil
Cinemas reabrem na cidade de São Paulo com protocolos rígidos
VÍDEOS: Semana Pop explica temas do entretenimento