Bêbada fica com a cabeça presa em escapamento de caminhão

Kaitlyn Strom é uma jovem de 19 anos como qualquer outra que foi a um festival de música country (dia 9, em Winstock, Minnesota) e encheu a cara como nunca. Mas ela resolveu fazer aquelas idiotices de bêbado. O resultado foi bom e ruim!

Ruim porque a ideia era enfiar a cabeça num escapamento de caminhão gigantesco e ficou presa

E bom porque ela resolveu capitalizar essa em cima dessa fama

O fato é que Kaitlyn só ficou admirada com o tamanho do escapamento e o álcool em seu sangue lhe garantiu que ela poderia enfiar a cabeça ali. Deu certo, mas a cabeça não quis sair mais!

LEIA TAMBÉM: Marido flagra mulher na cama com o chefe dela, filma e pode ser preso

Ao todo, ela ficou 45 minutos com a cuca presa ali e os bombeiros cuidaram de fazer a retirada

Dois vídeos publicados no Facebook com o resgate a tornaram famosa: quatro milhões de visualizações ao todo. Ao invés de ficar envergonhada, ela resolver se assumir como a garota do escapamento

E levou o objeto pra casa, deixado como um troféu!

NÃO PERCA: Após tatuar a testa, britânico é preso por dirigir alcoolizado

TEM MAIS GENTE PRESO EM MÁQUINAS!
Tente imaginar uma situação: você preso em uma máquina, 22 horas de seu dia. Não consegue imaginar? Bem, essa é a realidade do advogado texano Paul Alexander, de 70 anos. Com apenas seis anos de idade, lá no longínquo ano de 1952, Paul foi diagnosticado com poliomielite, doença popularmente conhecida no Brasil como paralisia infantil

Desde então, Paul está preso diariamente a um pulmão mecânico pois, sem essa máquina, ele não consegue respirar direito

Em 2015, Paul enfrentou um problema gigantesco: a máquina em que ele passou a vida inteira começou a quebrar em pedaços 

E ninguém podia fazer nada, já que máquinas desse tipo pararam de ser fabricadas no início dos anos 60

VALE SEU CLIQUE: Destruição total! Porco aterroriza cidade, assusta moradores, é preso e ainda emporcalha viatura da polícia

Além disso, nenhum seguro cobria o conserto

Mas Paul não desistiu. Com a ajuda de um amigo, ele postou um vídeo no YouTube pedindo ajuda

No vídeo, o amigo faz um apelo, dizendo que “Paul está confinado na máquina desde os seis anos de idade. Seus pulmões pararam de funcionar e é a máquina que o ajuda a respirar. Se algum morador do Texas puder ajudar, isso pode salvar a vida dele”

Depois de alguns dias, ainda em 2015, o empresário Brady Richards viu o vídeo e decidiu ajudar o americano

LEIA TAMBÉM: Justiça tardia! Assassino que decapitava vítimas é preso mais de 20 anos depois

Ele levou a máquina para uma oficina e, lá, ele e seus funcionários conseguiram consertar tudo o que estava quebrado

VEJA O RESTANTE DESSA HISTÓRIA TENSA