Banda Tianastácia apronta álbum com produção musical de Liminha


Disco celebra os 25 anos de carreira fonográfica do grupo mineiro e marca a entrada de Dudu Azevedo no posto de baterista do quarteto. Tianastácia com Liminha (sentado à direita) na gravação do 13º álbum da banda
Reprodução / Facebook Podé Nastácia
♪ A banda mineira Tianastácia já tem pronto o 13º álbum de carreira fonográfica iniciada há 25 anos com a edição do álbum Acebolado em 1996.
A pré-produção e gravação do disco foi feita ao longo do primeiro semestre deste ano de 2021 entre Belo Horizonte (MG) e Rio de Janeiro (RJ), cidade onde o quarteto efetivamente deu forma ao álbum, no estúdio Nas Nuvens, com produção musical orquestrada por Liminha.
O álbum é o primeiro da Tianastácia com o ator e músico carioca Dudu Azevedo no posto de baterista da banda. Dudu foi convidado em 2020 a se juntar a Antonio Júlio Nastácia (guitarra), Beto Nastácia (baixo) e Podé Nastácia (voz).
“Serão 13 músicas para comemorar os 25 anos de estrada, alegria e rock”, anunciou o vocalista Podé Nastácia em rede social. O repertório mistura músicas inéditas com regravações de composições conhecidas que, de acordo com Podé, fazem parte da história da banda Tianastácia.
Uma das músicas do álbum é Miriam (Para você que virou anjo), composição já apresentada pela banda no ano passado no single triplo Guerra e paz (2020).