Azul suspende voos no Aeroporto Brigadeiro Cabral em Divinópolis 


Decisão foi devido a impasses entre a empresa que administra o aeroporto e a Prefeitura de Divinópolis. O G1 entrou em contato com a Socicam e aguarda retorno.  Voos comercais foram suspensos no aeroporto de Divinópolis
Prefeitura de Divinópolis/Divulgação
Estão suspensos os voos comerciais da Azul Linhas Aéreas no Aeroporto Brigadeiro Cabral em Divinópolis. A informação foi confirmada nesta sexta-feira (30) pela companhia aérea.
De acordo com a Azul, a decisão partiu da empresa que administra o aeroporto na cidade, a Socicam, devido a uma dívida que a Prefeitura de Divinópolis tem com a empresa.
O G1 entrou em contato com a Socicam para saber detalhes da decisão e aguarda retorno. A reportagem não conseguiu contato com a Prefeitura de Divinópolis até a publicação dessa matéria.
Ainda em nota a Azul ressaltou que tem interesse em retomar as operações aéreas na cidade tão logo os problemas sejam solucionados.
Reajuste de hangares
No dia 27 de março, a Prefeitura de Divinópolis informou que pretendia reajustar o aluguel de hangares do aeroporto para conseguir levantar recursos e, assim, manter os voos comerciais em atividade.
Segundo o Executivo, a manutenção do aeroporto tem um custo mensal de R$ 168 mil para os cofres públicos e o Município deve R$ 2.664.000 à Socicam. A dívida é referente a 18 meses de repasses que ficaram pendentes da administração anterior.
Além disso, a dívida de permissionários com a administração municipal é calculada em R$ 1,4 milhão pela Prefeitura.
Azul em Divinópolis
As operações da Azul tiveram início em Divinópolis em julho de 2015. A companhia ligou o município a Campinas (SP). Inicialmente, eram operacionalizados cinco voos semanais sem escalas.

Powered by WPeMatico