Associação de artes visuais critica piada com ‘Cats’ no Oscar 2020


‘Os melhores efeitos visuais do mundo não poderiam compensar uma história mal contada’, escreveu a Sociedade de Efeitos Visuais sobre brincadeira na cerimônia. James Corden e Rebel Wilson durante apresentação no Oscar 2020
Mario Anzuoni/Reuters
A Sociedade de Efeitos Visuais emitiu uma declaração nesta segunda-feira (10) na qual critica uma piada feita durante o Oscar 2020 com a qualidade do musical “Cats”.
Durante a cerimônia deste domingo (9), James Corden e Rebel Wilson, dois integrantes do elenco do filme, fizeram uma piada sobre a importância de efeitos visuais ao apresentar a mesma categoria.
O musical, lançado em dezembro nos cinemas americanos, recebeu comentários pesados da crítica. Entre os problemas do filme estavam justamente seus efeitos especiais.
Tanto que o diretor, Tom Hooper, chegou a enviar uma nova versão para as salas exibidoras que em teoria diminuiria os problemas nesse quesito.
“Noite passada, ao apresentar o Oscar de efeitos visuais, os produtores escolheram usar os efeitos visuais como a piada, e sugeriram que efeitos ruins eram culpados pela fraca performance do filme ‘Cats'”, escreveu a organização, que reúne profissionais da área vindos de mais de 35 países.
“Os melhores efeitos visuais do mundo não poderiam compensar uma história mal contada. Em uma noite que é sobre honrar o trabalho de muitos artistas talentosos, é imensamente decepcionante que a Academia use os efeitos visuais como o alvo de uma piada.”
Initial plugin text