Apple negocia compra da área de modems para smartphones da Intel, diz jornal


O interesse pela divisão da Apple, mostra que a empresa está considerando fazer grandes aquisições. Sede da Intel, na Califórnia (EUA).
Divulgação/Intel
A Intel estaria negociando parte de sua unidade de chips para smartphones-modem com a Apple, disseram fontes com assunto sobre o tema para o jornal “Wall Street Journal” nesta sexta-feira (26).
A empresa decidiu sair do mercado de modems 5G na semana passada, depois de a Apple acertar uma longa disputa jurídica com a Qualcomm, importante fornecedora de chips para os iPhones. Segundo as fontes disseram à publicação, o interesse pela divisão da Intel mostra que a Apple está considerando grandes aquisições.
De acordo com a publicação, a Intel já teria recebido manifestações de interesse de uma série de grupos e contratou o Goldman Sachs para assessorá-la no processo, que ainda está em etapa inicial. A venda permitiria à Intel se desfazer de uma divisão que, segundo as fontes do jornal, deu quase US$ 1 bilhão em prejuízo no ano passado.
Representantes de Apple, Intel e Goldman Sachs não comentaram o assunto à Reuters.