Após uma semana sem viatura, veículo é disponibilizado para presídio de Oliveira


Das três viaturas que eram usadas na unidade, duas estão quebradas e uma foi para outra cidade. Ambulância também está estragada há seis meses; Seap diz que situação está resolvida. Presídio Doutor Nelson Pires em Oliveira estava sem viaturas
Anna Lúcia Silva/G1
O Presídio Dr. Nelson Pires, em Oliveira, ficou quase uma semana sem viatura para atender aos detentos. Segundo o diretor do presídio, Carlos Marcelo, das três que eram usadas pela unidade, duas estragaram e a outra foi repassada para a cidade de Candeias. Além disso, a ambulância da unidade prisional também está estragada há mais de seis meses.
A Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap), diz que um veículo foi disponibilizado para ao presídio e os outros dois serão consertados. O diretor confirmou que uma viatura foi disponibilizada.
A única viatura que estava atendendo aos detentos do Presídio de Oliveira estragou na última quarta-feira (21) quando um dos detentos era levado para uma audiência no Fórum de Carmo da Mata. A Polícia Militar (PM) precisou ser chamada para fazer a condução do preso.
Além desta viatura que estragou na última semana, o presídio contava com outras duas. Uma delas, por determinação da Seap, segundo o diretor do presídiop, foi repassada para a cidade de Candeias. A outra está em uma oficina de Belo Horizonte.
A unidade também contava com uma ambulância. No entanto, o veículo está quebrado há mais de seis meses.
Conserto autorizado
O G1 entrou em contato com a Seap para saber como estava sendo feita a condução dos presos e também sobre a manutenção das viaturas. Em nota, a assessoria de comunicação da Secretaria informou que a situação está resolvida.
“Com relação ao transporte de presos, a unidade recebeu uma viatura. Das duas viaturas-cela baixadas, uma já teve autorização para início de manutenção. A outra está em fase orçamentária, obedecendo aos trâmites da Lei 866. Quanto à ambulância, a Secretaria já autorizou o início da manutenção”, informou.
Ao G1, o diretor do presídio confirmou que a unidade recebeu uma viatura em forma de empréstimo, até que as outras passem pela manutenção.
A única viatura que estava atendendo o Presídio de Oliveira estragou na úlima semana
Marcelo Praxedes

Powered by WPeMatico