Aneel aprova reajuste médio de 11,12% na conta de luz dos consumidores da Light

Empresa atende parte do estado do Rio de Janeiro, incluindo a capital. Itens que mais pesaram para aumento foram elevação do gasto com compra de energia e acionamento de térmicas. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (12) um reajuste médio de 11,12% na conta de luz dos consumidores que usam energia elétrica da Light. A empresa atende cerca de 11 milhões de clientes em 32 municípios do estado do Rio de Janeiro, incluindo a capital.
Segundo a Aneel, o impacto médio para os consumidores residenciais e comerciais, atendidos em baixa tensão, será de 11,52%.
Já para os consumidores industriais, atendidos em alta tensão, o reajuste médio será de 10,20%. As novas tarifas já podem ser aplicadas a partir do dia 15 de março.
Os itens que mais pesaram para o reajuste da conta de luz dos consumidores fluminenses foram o aumento do gasto com a compra de energia elétrica e o acionamento de usinas térmicas por conta do baixo nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas.