Aluna denuncia agressão de professor ao usá-la como ‘demonstração’ em aula de física


Caso ocorreu na noite desta segunda-feira no campus do Pici. Família prestou queixa na delegacia
Divulgação
Uma aluna de 16 anos da Universidade Federal do Ceará (UFC) registrou um boletim de ocorrência contra um professor que, segundo a jovem, a agrediu e humilhou em ao usá-la para exemplificar um conteúdo de física.
Segundo o boletim registrado na Delegacia de Defesa da Mulher, o professor “chamou a aluna para frente da sala com a alegativa de fazer uma demonstração prática acerca da força”. Ainda conforme o boletim, “a aluna levantou de sua cadeira e foi em direção ao professor que pediu para que a aluna ficasse de costas”. Ocaso ocorreu na segunda-feira (12) no campus do Pici.
A estudante disse à polícia que, em um momento, o professor deu um empurrão com muita força, então, os alunos presentes riram da situação e o docente repetiu o gesto. “Foram três empurrões, no segundo empurrão a turma já achou estranha” (sic). Segundo ela, o professor disse “ela gosta, olha, está gostando” e, no fim da “demonstração”, afirmou: “porrada por trás sempre é gostoso”.
A UFC informou que, até a manhã desta quarta-feira (14), não foi notificada, mas já abriu uma sindicância para apurar as denúncias divulgadas pela imprensa e redes sociais sobre o caso. “A UFC repudia qualquer atitude que transgrida a dignidade das pessoas e defende que a relação professor-aluno seja sempre pautada no respeito e na mútua aprendizagem”, diz a nota.
A advogada Fernanda Colares afirmou ao G1 que, no momento, a família não quer falar sobre o assunto e irá denunciar o caso ao Núcleo Especial de Direito da Mulher e de Vítimas de Violência, da Defensoria Públçica, e órgãos competentes.

Powered by WPeMatico