Aline Calixto propõe mergulho infantil no universo religioso afro-brasileiro com álbum ‘Pontinhos de amor’


Primeiro disco da artista umbandista no segmento apresenta orixás e entidades para crianças através de repertório inédito e autoral. ♪ Primeiro álbum gravado pela cantora e compositora mineira Aline Calixto para o público infantil, Pontinhos de amor está sendo estrategicamente lançado nesta terça-feira, 12 de outubro, Dia das Crianças. A intenção foi convidar a criança a entrar no universo mitológico dos orixás e entidades que povoam as religiões e culturas afro-brasileiras.
Umbandista, Calixto apresenta dez orixás e quatro entidades para as crianças ao longo das 15 músicas desse disco gravado em junho sob direção musical de Thiago Delegado.
Encerrado com Festa no ayiê (Pai Ricardo, Mãe Sheila, Michelli Pessoa e Gabriel Ricardo), tema-bônus criado por integrantes da Casa de Caridade Pai Jacó do Oriente, o álbum Pontinhos de amor entra na cadência do samba de roda em Dançando com os caboclos (Aline Calixto) e, no ritmo do congo, perfila Ogum em Super Ogum (Aline Calixto e Makely Ka), saúda Iansã em Vento bailarino (Aline Calixto e Déa Trancoso) e aborda a vovó Nanã em Nanaê, Nanã (Aline Calixto e Chico Alves), música cujo refrão embute fragmento de ponto de umbanda.
Capa do álbum ‘Pontinhos de amor’, de Aline Calixto
Divulgação
Fora da base rítmica afro-brasileira, a artista cai no suingue do carimbó em O dono do arco-íris (Aline Calixto) – com direito ao toque do orixá Batá no refrão – e evoca cantiga de ninar em Pombinha de Oxalá (Aline Calixto e Helder Quiroga).
Em repertório que também inclui saudações a Iemanjá (em A rainha do mar, parceria de Calixto com o viçosense Thyaga), a Oxossi (Dançando com Oxossi, da artista com Marina Gomes) e a Oxum (Ela mora na cachoeira, tema de Calixo com Déa Trancoso), a artista apresenta duas parcerias com Tavinho Leoni, Atotô é orixá e Xangô, mestre do amor.
Em Oni beijada, faixa que celebra Cosme & Damião, a sambista Júlia Rocha é parceira e convidada de Aline Calixto na criação e gravação da composição.
Sob a direção artística da própria Aline Calixto, o álbum Pontinhos de amor foi gravado com os toques dos músicos Bill Lucas (percussão), Christiano Caldas (teclados e barulhinhos) e Thiago Delegado (violão).